Buscar
  • Pedro Gouvêa

Às vezes, você precisa incomodar!


Um dos maiores medos de indivíduos socialmente ansiosos é incomodar os outros. Alguns tem verdadeira fobia de incomodar e se submetem quase que inteiramente ao outro para não incomodar ou desagradar.

O grande problema dessa submissão exagerada é que a pessoa não consegue estabelecer interações sociais satisfatórias e sente-se frustrada consigo mesma.

Normalmente, essas pessoas tem um histórico de punição quando se expressaram e reforço de comportamentos submissos, evitativos e não expressivos. Por exemplo, uma pessoa pode ter crescido em uma família que a censurava sempre que ela emitia uma opinião e elogiava seu comportamento "obediente" e de "falar pouco".

Porém, na vida adulta, esse tipo de submissão não costuma ser muito funcional e diversas situações sociais demandam que a pessoa se expresse. Por exemplo, às vezes, você quer emitir uma opinião polêmica que sabe que vai incomodar, mas se omite e fica na sua. No entanto, emitir aquela opinião é importante para você!

Você pode simplesmente escolher manter o padrão habitual de não emitir sua opinião e sofrer as consequências disso ou escolher emitir sua opinião e estar disposto a sentir o desconforto que isso gera e todas as outras consequências.

Um outro exemplo seria pedir um favor ou ajuda a alguém. Sua mente dirá prontamente que isso irá incomodar a outra pessoa, porém, é importante para você fazer isso. Qual caminho você escolhe?

Repare que estamos lidando com 2 aspectos fundamentais do funcionamento psicológico saudável: valores e aceitação. Os valores são aquilo que realmente importa para você em uma determinada situação (p. ex., emitir sua opinião e pedir um favor/ajuda).

A aceitação diz respeito a você estar disposto a sentir o desconforto que agir assim provoca e, ainda assim, agir nessa direção. O que está em jogo aqui não é "sentir-se bem" ou "não sentir-se ansioso", e sim agir de forma consistente com seus valores mais importantes.

Incomodar os outros faz parte de qualquer interação humana e é natural. Às vezes, o preço de não incomodar pode sair muito mais caro do que o preço de incomodar. Então, quando você sentir necessidade e for importante para você, incomode! Sem culpa! Muitas vezes, o desconforto por incomodar o outro é bem vindo e pode gerar bons frutos mais tarde!



Gostou do texto? Compartilhe para que mais pessoas tenham acesso!!


#ansiedadesocial #timidez #assertividade #habilidadessociais #valores #terapiadeaceitaçaoecompromisso #terapiacomportamental

65 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo