Buscar
  • Pedro Gouvêa

O tímido autoconfiante!

Geralmente, quando pensamos em uma pessoa tímida, pensamos em alguém com baixa autoconfiança e baixa autoestima. Será mesmo que isso corresponde a realidade de todos os tímidos?

Bem, sem entrar no mérito das definições mais leigas ou mais técnicas de timidez, costumamos pensar no tímido como aquele que interage pouco e fica envergonhado quando é o centro das atenções. Vamos considerar estas duas características como as principais daquilo que chamamos de timidez.

Ora, interagir pouco não implica, necessariamente, em alguém com baixa autoconfiança. A pessoa pode falar pouco ou ficar mais "na sua" por diversas razões, inclusive, por não gostar de falar muito e não por medo de se expressar.

Portanto, uma pessoa "quieta demais" não significa que tal pessoa tenha medo de se expressar. Ela pode simplesmente optar por ficar mais quieta e não há nada de errado com isso. Poderíamos dizer que se trata de uma pessoa "reservada" ou "discreta". Aliás, ela pode, inclusive, apreciar o seu próprio jeito "calado". Acreditem, já vi casos assim e isso não é impossível!

Tal pessoa pode pensar o seguinte: "O mundo já está cheio de gente que fala demais. Gosto desse meu jeito reservado, é um diferencial meu! Os outros que me aceitem do meu jeito!". Bem, isso não parece ser uma forma de pensar de alguém que tenha baixa autoconfiança ou baixa autoestima. Pelo contrário.

Por outro lado, ficar envergonhado quando se é o centro das atenções também não significa, necessariamente, alguém com baixa autoconfiança. Ora, pensemos em uma pessoa que está em uma roda de amigos e alguém faz uma "gracinha" ou conta algo pessoal sobre esta pessoa na frente de todos. Tal pessoa fica "ruborizada" (o que indica sua vergonha).

Digamos que ela realmente fica "sem jeito", o que seria natural. Porém, ela realmente ri e se diverte com o gracejo ou expressa que "levou numa boa" o comentário sobre ela, apensar da vergonha (seja lá o que signifique "levar numa boa").

De fato, alguém que se considera ou é considerado tímido pode exibir estes comportamentos exemplificados aqui, embora não seja tão comum. Neste caso, poderíamos dizer que se trata de um tímido autoconfiante, ou seja, é alguém que, embora manifeste comportamentos tímidos (como falar pouco ou ficar envergonhado quando é o centro das atenções), não vê tais comportamentos como "inadequados" ou "inferiores" e não se sente assim. Pelo contrário, aprecia o seu próprio jeito de ser.

Talvez você possa dizer: mas aí não seria um tímido "original", mas simplesmente alguém introvertido ou mais reservado. Mesmo assim, há muita confusão sobre estes termos e o objetivo aqui foi mostrar que, embora possa parecer contra intuitivo, é possível ser tímido e autoconfiante ao mesmo tempo!


#timidez #ansiedadesocial #autoconfiança #autoestima #comportamento

45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo